Arquivo da tag: semana experimental urbana

VIVÊNCIA, RUA E RELAÇÃO

na cidade de porto alegre


SEU – SEMANA EXPERIMENTAL URBANA

Enquanto artistas em busca de abordagens sensíveis sobre a cidade, concentramos esforços para organizar um encontro e interferir, através de ações e gestos, no acontecer dos impulsos do espaço público. SEU – SEMANA EXPERIMENTAL URBANA surgiu como uma proposta experimental em artes – vivência, rua e relação -, idealizada por artistas_produtores independentes de Porto Alegre. O projeto propõe o encontro e o intercâmbio entre artistas, com a intenção de fomentar o trabalho coletivo, compartilhando percepções e experiências.

Esta ocupação temporal, emocional e coletiva da cidade de Porto Alegre para a convivência intensiva, pretende reunir durante os dias 19 e 25 de junho de 2010, um grupo de artistas que se proponha a vivência, ao questionamento dos meios e modos de fazer e pensar em arte, e ao alargamento dos limites do que se atribui como obra de arte. O espaço público da cidade de Porto Alegre, elemento constitutivo das propostas que buscamos acolher, será o laboratório e lugar de relação e a convivência do SEU.

Pretendemos que o SEU – SEMANA EXPERIMENTAL URBANA, seja um acontecimento anual. Nesta primeira edição, serão reunidos 12 projetos de artistas, a serem selecionados por meio de uma “convocatória”. Durante a semana do encontro, os artistas desenvolverão, com o apoio da organização do SEU, suas ações. Posteriormente será publicado um catálogo de distribuição gratuita com os registros do evento.


Entre os princípios do encontro, destacamos:

– realizar um encontro gratuito em artes de nível nacional, na cidade de Porto Alegre, envolvendo múltiplas modalidades de expressão artística.

– abrir um espaço para o diálogo entre arte e sociedade, possibilitando o intercâmbio entre artistas brasileiros, que investigam linguagens, conteúdos e formas expandidas, com a população.

– provocar um deslocamento propositivo que estimule os cidadãos da cidade, facilitando o contato com as ações realizadas, ampliando as possibilidades de percepção para além dos padrões apresentados pelos espaços expositivos tradicionais e meios de comunicação de massa, e fomentando outras formas de experiências de trabalho e troca.

– realizar publicamente uma celebração de abertura e de término encontro.

– distribuir o catálogo, com textos e imagens do encontro.

Participe!